Em tournée


Diversas criações de Mille Plateaux Associés são atualmente propostas em tournée:

– 10 danses

10 danças

10 danses é uma conferência dançada elaborada à partir da exposição “La danse contemporaine en questions” (CND/Institut Français) da qual Geisha Fontaine foi a conselheira científica. Concebida como um divertido percurso através de nove etapas de diversas temáticas, ela é uma viagem nos múltiplos estilos e caminhos da crição coreográfica. Geisha Fontaine se empara com elegância e generosidade nas noções de corpo, de técnica ou de relação ao mundo.
Com: Geisha Fontaine

– Espaces en mouvement

Espaços em movimento

Espaces en mouvement é um espetáculo de encontro entre espaço, arquitetura e dança. Essa performance coreográfica foi criada em 2018 no Pavillon français na Bienal Internacional de arquitetura de Veneza, em eco ao título da Bienal: FreeSpace e ao título da exposição do Pavillon français: Lieux infinis. Ela conjuga espaço real a espaços criativos, poéticas, dançados, até políticos e propõe navegar entre espaços individuais e um copo coletivo que se desdobra, cria linhas, massas e volumes.

Com: Geisha Fontaine, Julie Galopin, Alexandre Théry

– Saltare

Sauter, sauter encore, comme une affirmation, privilégier cet instant fugace où le danseur est entre ciel et terre. Se jeter dans le flux du temps pour créer des Saltar, saltar de novo, comp uma afirmação, privilegiar esse instante fugaz no qual o dançarino está entre o céu e a terra. Se lançar no fluxo do tempo para criar ritmos, explosões, fendas, uma música… Há algo de inapreensível no salto e que faz a sua força, na imagem do fogo de artifício, da estrela cadente.

Com: Alexane Albert, Simon Feltz, Clémence Galliard, Anthony Roques
Criação de luz:
Rima Ben Brahim

– Millibar, une ritournelle chorégraphique

Millibar, um ritornello coreográfico

Nesse espetáculo que associa criação cinematográfica e coreográfica, os coreógrafos se amparam de uma “pequena dança” e interrogam seu desenvolvimento ao longo de vários anos. Dezenove anos, uma mesma dança, uma mesma pessoa, em diversos lugares: como outros dançarinos se apropriam desses movimentos hoje?

Com: Geisha Fontaine, Julie Galopin, Clémence Galliard, Alexandre Théry et la participation de Pierre Cottreau
Música ao vivo:
Jean-Baptiste Doulcet
Criação de luz:
Rima Ben Brahim

Moi

Eu

Moi é uma história de malas, uma dança transportável que chega, passa e se vai. Aliando burlesco e poesia, esse trio interroga o lugar do território jogando com a relação do recipiente e do conteúdo.

Com: Alexandre Da Silva, Sylvain Dufour, Geisha Fontaine, Sylvain Riéjou (en alternance)